EM TEMPOS DE CRISE

 

 

A palavra crise em chinês tem dois ideogramas: um simboliza o perigo e outro simboliza oportunidade.  A sabedoria fica claramente demostrada, pois nos momentos mais difíceis surgem as grandes oportunidades.  A moeda desses tempos turbulentos é a informação, o conhecimento.  Os bem informados, estão sempre um passo a frente de seus concorrentes.  Uma das melhores maneiras de se preparar para a selva dos negócios é buscar conhecer a si mesmo e seus potenciais. A numerologia e a astrologia são fontes valiosas, pois além de ferramentas para o autoconhecimento são capazes de mostrar o potencial de negócios de cada um. O potencial empresarial envolve uma série de coisas e habilidades. Certos negócios trazem lucro e realização para uns e problemas sérios para outros. Como é possível saber isso? Simples, isso está escrito no seu mapa astrológico e numerológico. Muito mais que isso, ali também e possível distinguir os melhores momentos para iniciar um empreendimento com maiores chances de êxito. Ao usar essas poderosas ferramentas, nos colocamos numa posição mais confortável do que aqueles que baseiam seus empreendimentos na sorte e em “achismos”.  Aliás, a astrologia e a numerologia empresarial só são efetivas quando praticadas por profissional da área, competente e ético.  Há inúmeros detalhes e regras a serem seguidas, o que é bom para uma loja popular não serve para uma boutique, e o melhor para um advogado é diferente do que é adequado para um supermercado. Alerto para isso devido a imensa quantidade de informações erradas e incompletas que circulam na internet como “o bom é o número oito”, “a melhor cor é vermelho”, “o melhor é inaugurar numa segunda feira” e outras coisas que dependendo da situação podem até prejudicar o empreendimento.

 

RÉGIS CAANABARRO

ASTRÓLOGO E NUMERÓLOGO