ANO NOVO, VIDA NOVA?

 

 

Todo o ano as pessoas ficam tomadas de uma grande euforia, com festas de fim de ano, presentes e perspectivas para o novo ano. Enquanto esse clima é o supra-sumo da alegria para muitos, para outros, no entanto, é um momento de tristeza, melancolia e uma sensação de vazio. Quando a tristeza é profunda não adiantam os presentes caros, a comida caprichada e as bebidas finas, essa tristeza muitas vezes vem por termos nos afastados de nosso potencial, de termos negado a missão de nossa alma. É um gosto amargo, triste, de fracasso, que nenhum doce é capaz de tirar da boca. O sucesso é ser feliz, e ser feliz é realizar o potencial de nossa alma que está impresso de forma indelével no nosso mapa astral. Por mais duro e difícil que seja o caminho, ele é nosso e de mais ninguém e ninguém pode percorrê-lo por nós. Envolvidos nos delírios do consumismo a felicidade parece vir de muita pompa, fartura e luxo e não da companhia dos nossos seres queridos. Todos querem encerrar o ano logo, com muita alegria, como se pudessem nesse momento recomeçar do zero sua vida e ser mais feliz!

Quando fazemos aniversário é que começa um ano novo para nós, chama-se Revolução Solar e marca o exato momento em que o sol retorna à posição que estava quando nascemos. O mapa levantado para esse momento diz o “tom” do novo ano para nós.

É excelente para planejarmos o ano e evitarmos certas armadilhas. Muitas pessoas ficam desanimadas e melancólicas 30 dias antes do seu aniversário, é um momento em que a energia fica mais baixa e que tudo que está pouco firme desaba de vez. É um período de limpeza e reflexão, que alguns chamam de “inferno astral”. Nesses 30 dias não é recomendável começar nada que seja durável, pois o momento é de concluir o inacabado.

A simbologia da festa de aniversário é de marcar esse novo nascimento, o início do ano novo para nós. Aproveite para traçar metas e planos, mas não os deixe no papel e sim vá colocando em prática no seu dia, lembre-se: uma longa caminhada começa com o primeiro passo. Nunca é tarde para correr atrás de seus sonhos, para amar e para ser feliz!

E a cada aniversário vivenciamos um novo ano para nós!  É um novo começo, com uma característica diferente a cada ano, dando-nos a oportunidade de evoluir. A propósito, para os curiosos, o ano novo astrológico começa sempre no início da primavera do hemisfério norte (outono no hemisfério sul). É baseado nesse início que os astrólogos analisam as tendências do ano.

RÉGIS CAANABARRO

                                                        ASTRÓLOGO E NUMERÓLOGO